Fim da Programação: 5 mitos sobre o fim da programação de computadores

Com o avanço da Machine Learning, uma pauta e discussão muito comum é: a programação vai ficar obsoleta algum dia?

Será o fim da programação de computadores?

Mito 1:Machine Learning tornará a programação irrelevante”





Inteligência artificial e Machine Learning são dois temas absurdamente interessantes e fascinantes de se estudar, e programar. Porém, eles não criam algo (pelo menos ainda).

São humanos que criam coisas, que são criativos e trazem novos conceitos e utilidades.
Então, não se preocupe: pode estudar programação a vontade, não é um ramo que tão cedo vai deixar de existir.

Muito, mas muitíssimo pelo contrário mesmo: cada vez mais coisas precisam de programação, de código, de automação.

O próprio Google, pioneiro em ambos assuntos, continuar a contratar cada vez mais programadores.
É a profissão do futuro.

Mito 2: "Está cada mais fácil criar um website, por isso não precisamos saber codar".

Certamente você já viu aqueles serviços de criação de sites, onde você coloca sua página no ar sem saber absolutamente nada de codificação, mesmo HTML.






É só clicar, arrastar, posicionar, digitar o texto e pronto, tudo fica bonitinho.
Mas isso tem um custo.

Muita, mas muita coisa mesmo acontece por 'trás das cortinas', para que isso seja possível.
E detalhe: é algo que serve pra todos, ou seja, não é nada específico e voltado para você e seu projeto.

Alguém que sabe programar vai criar algo muito mais enxuto, específico e focado em algo.
Atirar pra todo lado raramente é uma ideia boa em computação.

Ah, e alguém teve que programar esses serviços, para fazerem isso.

Mito 3: “Os desenvolvedores estão sempre reinventando o mesmo aplicativo, resolvendo exatamente os mesmos problemas.”

Não há nada de errado nisso.
Você pode fazer um programa de mil linhas. Vem outra pessoa, estuda, altera e faz ele melhor, mais rápido, mais conciso e mais abrangente com 500 linhas.






Isso é engenharia, e é bom. Estão melhorando e aperfeiçoando cada vez mais as coisas.
Mas não se engane: já existe muita, mas muita coisa pronta e otimizada para uso.

Por exemplo, as bibliotecas padrões de algumas linguagens, já foram testadas por bilhões de pessoas, zilhões de códigos e zilhões de horas de uso. E está tudo pronto, feito e otimizado.

Isso é super saudável, e se alguém descobrir um jeito melhor de fazer algo: isso é bom!
Estude o que já foi feito, aprenda, tente melhorar, isso vai te transformar em um excelente programador.

Mito 4: “Alguém me disse que é possível construir uma rede social em poucas semanas. Logo, Facebook, Instagram...vão todos morrer ”

É provável que tenham um fim, um dia, como MSN ou Orkut.
Mas por um bom motivo: alguém criou algo novo, que interessa mais as pessoas.

E sim, tem serviços para criação de redes sociais. Mas não são nadas originais, nada personalizadas e dificilmente alguma vai emplacar...as pessoas só migram de rede social se tiver alguma vantagem, algo de diferente nessa nova rede.

E por mais que seja possível criar sistemas parecido com outros que já existem, de uma maneira super simples e rápida, jamais ele vai ficar tão otimizado quanto um sistema criado e programado do 0.

Realidade: Na superfície, pode parecer fácil criar aplicativos que parecem com outros aplicativos. Mas em empresas do mundo real, o código e vários sistemas podem se tornar cada vez mais complexos. Na programação, existe um conceito conhecido como Lei das Abstrações Perdidas. Estes são sistemas que fazem muito trabalho, mas escondem um certo nível de detalhe. E para produtos (como o Facebook) que suportam milhões ou até bilhões de usuários, é preciso haver muitas abstrações (basicamente sub-problemas) que podem ser gerenciadas por equipes separadas.

No mundo real, você precisa de sistemas complexos de código para suportar o tipo de escala maciça que vemos nos principais produtos. Você precisa de engenheiros de software para criar e manter essa infraestrutura, e você precisará deles por muito tempo.

Mito 5: "A programação é tediosa, chata e difícil".

Certamente quem disse isso nunca estou por um de nossos projetos (Java Progressivo, C Progressivo, Python Progressivo, JavaScript Progressivo...)

É muuuuuuuito legal programar, pra quem tem interesse, claro.

Eu mesmo já fiz e conheço pessoas que trabalhavam como programadores o dia inteiro e adivinha o que faziam quando chegavam em casa? Programavam, faziam seus próprios projetos, jogos, aplicativos...

Programação é apaixonante pra muita gente, é viciante.
Pode criar algo, fazer com que o computador faça algo que você mandou, de uma maneira bem orquestrada e eficiente, é das coisas mais interessantes que uma pessoa pode fazer.

Não é por menos que muitas escolas no mundo afora já inseriram a programação de computadores como uma matéria de estudo, de tão importante que é.

Nenhum comentário:

Tutoriais de Programação