Como Programar em Perl - Hello, world!

Agora que já te apresentamos a linguagem de programação Perl, vamos te mostrar o que é necessário fazer para, de fato, começar a programar em Perl.

Ou seja, vamos ver o que tem que faz, baixar, onde escrever, como rodar e tudo mais.
Baixar apostila de Perl em PDF
Baixar e estudar pela apostila em PDF

Como instalar o Perl

Primeiro passo é, obviamente, instalar o Perl.
Se você estiver usando um sistema Unix, como o Linux, ele já tem o Perl instalado por padrão.
Linux é, de longe, o melhor sistema operacional para programadores. Não é difícil, nem complexo, nem precisa ser um gênio ou hacker para usar o Linux.

Aliás, acho até mais fácil e intuitivo usar Linux.
Se quer levar a sério a profissão de programador, sugiro que instale alguma distribuição do Linux, como o Ubuntu e comece a aprender.

Lembre-se: todo mundo sabe usar Windows ou Mac, não tem nada demais nisso, até minha avó usa.
Mas saber usar Linux é um tremendo e interessante diferencial, vai te colocar automaticamente na frente de muuuuuitos programadores e profissionais de TI.

Mas vamos voltar ao Linux, rapidinho.
Abra o terminal de comando e digite: perl -v
Esse comando vai exibir a versão do seu Perl.

Para quem usa outra plataforma, como Windows, acesse o site oficial da linguagem:
https://www.perl.org/

Depois vá em download and get started.
Escolha sua plataforma (Windows, Linux...)

Se for Windows, provavelmente vai ter duas opções: ActiveState Perl e Strawberry.
Escolha a versão Strawberry.

Baixe o executável, aguarde o download, rode como administrador e faça a instalação do Perl.

Como Programar o Primeiro Script em Perl

Abra um editor de textos, pode ser o bloco de notas.

Se preferir, até sugerimos usar algum do tipo Notepad++ ou Sublime, pois vão deixar seu código melhor formatado, organizado, coloridinho e tal, uma belezura só.

Digite o simples comando:

print "Hello, world \n";

Agora salve seu arquivo com o nome: hello.pl
É muito importante ter a extensão pl, de Perl, ok?

Cuidado que as vezes o bloco de notas pode querer salvar como: hello.pl.txt
Não deixe isso acontecer.

Sugerimos salvar na pasta: C:\perl
Logo, o endereço do seu script será: C:\perl\hello.pl

Como rodar um script em Perl

Abra o terminal de comandos, o MS DOS ou shell do Linux.
Se estiver no Windows, digite:
cd C:\perl

No meu Linux, eu salvei em:
/home/user/perl

Agora que está na pasta/diretório do script, dê o comando pro Perl interpretar:
perl hello.pl

Se não funcionar teste: perl -w hello.pl no Windows

O resultado é esse:

Como programar em Perl


E prontinho, vai aparecer a mensagem na tela: Hello, world
Se conseguiu, você já é, oficialmente, um programador Perl, afinal, já fez e rodou seu primeiro script.

A linha hash-bang no Linux e Windows

Se estiver usando um sistema Unix, como Linux ou Mac, pode ser interessante tornar seu script Perl em um executável.

Vamos lá, primeiro torne seu script hello.pl em um executável:
chmod +x hello.pl

Agora rode ele:
./hello.pl

E veja que vai ter um erro.
Isso ocorre porque o terminal vai tentar ler e interpretar o conteúdo, e vai usar (geralmente) o bash pra interpretar esses comandos.

Mas não queremos que o shell interprete isso, e sim o Perl.
Para isso, usamos na primeiríssima linha de código Perl, o comando de hash-bang, veja como fica nosso código:

#!/usr/bin/perl
print "Hello, world!\n";

Adicionamos ao script o código: #!/usr/bin/perl (chamado hash-bang)
Pronto. A primeira linha diz ao interpretador do shell que queremos que o Perl interprete o script, e dizemos onde esse interpretador está localizado (no diretório /usr/bin e se chama perl).

Isso ocorre por conta do código especial #!, chamado de shebang.

Se você estiver em outra plataforma, como o Windows, e se o interpretador se chama 'perl.exe' e está localizado na pasta  C:\perl\bin, sua hash-bang será:

#!C:\perl\bin\perl.exe

Agora tente rodar e veja que vai sair a mensagem "Hello world!" lindíssima na tela do terminal de comando.

Em nosso curso de Perl, vamos usar a linha shebang do Linux, pois é nosso sistema operacional e a maioria das redes e sistemas também usam Linux.

Mais uma vez: instale o Linux, é simples de baixar, instalar e usar. Vai ser um diferencial na sua carreira de programador, você tem poderes maiores e ilimitados nesse sistema operacional. Até minha avó sabe usar Windows, se diferencie, aprenda Linux também, você vai amar.

IDE Sublime Text

Agora que aprendemos como instalar, programar e executar nossos scripts, vamos aprender um 'truque', que é usar uma IDE, ou seja, ou um programinha mais bonitinho para programar.

Nós vamos usar o Sublime Text. Pesquise sobre ele no Google e se desejar usá-lo, baixe e o instale.
Abra o programa Sublime Text e vá em: Tools -> Build System -> New Build System

Escreva o seguinte comando no arquivo que vai aparecer:

{
    "cmd": ["perl", "-w", "$file"],
    "file_regex": ".* at (.*) line ([0-9]*)",
    "selector": "source.perl"
}

Salve como: "Perl.sublime-build" na pasta "~/.config/sublime-text-3/Packages/User" do Sublime.

Agora abra um novo arquivo, salve como ola.pl e dê control+B, para rodar o script.
O resultado vai aparecer logo abaixo.

Como programar em Perl no Sublime Text

Veja como o programa é mais bonitinho e organizado, ele vai te ajudar a indentar o código (dar espaçamento e quebras de linha corretamente), bem como colorir comandos, strings, etc, além de rodar o código diretamente lá sem precisar dar nenhum comando.

Uma verdadeira mão na roda programar em Perl no Sublime Text.

Nenhum comentário:

Tutoriais de Programação